Retentores

O Retentor é composto, essencialmente, de uma membrana elastomérica em forma de “lábio” e uma parte estrutural metálica, que permite a fixação do lábio na posição correta de trabalho na aplicação.


O retentor tem por função primordial reter óleos, graxas ou outros fluídos que devam ser contidos no interior de uma máquina ou de um agregado mecânico. O retentor é sempre aplicado entre duas peças que tenham um movimento relativo como, por exemplo, entre um eixo que transmite um movimento e a carcaça de sustentação do mancal deste eixo.


Ele cumpre esta função de vedação, tanto na condição estática, de máquina parada, como na condição dinâmica, em movimento, e também na variedade de condições de temperatura e meio externos para os quais a máquina esteja projetada. A vedação se dá pelo contato permanente que ocorre entre a aresta do lábio de vedação e o eixo da máquina. Para completar a estanqueidade com o meio externo, é preciso que haja também a vedação entre a parte externa estrutural do vedador e a carcaça.

Cópia de 004.png